Você conhece os mestres cervejeiros das suas cervejas favoritas?

Neste primeiro post da série, vamos conhecer este que é um dos mais conhecidos mestres cervejeiros e o papa das harmonizações com cerveja: Garrett Oliver, da Brooklyn.

Cervejeiros-Garrett-Oliver-Brooklyn

Homebrewer desde 1983, Oliver se destacou na cena novaiorquina – tanto pela qualidade de suas cervejas como pelo seu estilo pessoal – e começou sua carreira cervejeira como aprendiz na Manhattan Brewing Company, em 1989, sendo promovido a mestre cervejeiro em 1993. No ano seguinte tornou-se mestre cervejeiro da The Brooklyn Brewery, onde permanece até hoje.

Além de ser um cervejeiro incrível, ele também é um grande incentivador da Cultura da Cerveja, tendo conduzido mais de 800 degustações e jantares harmonizados, além de ser editor-chefe do The Oxford Companion to Beer – uma verdadeira enciclopédia cervejeira, ainda sem edição em português –, e autor de A Mesa do Mestre Cervejeiro, uma das principais referências sobre harmonização com cerveja.

Sabendo de tudo isso, só nos resta abrir uma Brooklyn e brindar a este grande Mestre Cervejeiro. Selecionamos abaixo algumas opções, com sugestões de harmonização da gastronomia americana. Cheers!

Sugestão de cervejas da Brooklyn:

Garrett-Oliver-Brooklyn-Lager

Brooklyn Lager

Origem: Nova York – EUA
Teor Alc.: 5,2%
Estilo: Vienna Lager

Coloração âmbar, aromas herbais do lúpulo junto com notas de caramelo e casca de pão advindas dos maltes. Na boca médio amargor equilibrado com o dulçor do malte. Final suavemente lupulado e seco.

Harmonização: Onion rings, cebola empanada


Garrett-Oliver-Brooklyn-Sorachi-Ace

Brooklyn Sorachi Ace

Origem: Nova York – EUA
Teor Alc.: 7,2%
Estilo: Saison

Um belíssimo exemplar de Saison. Aqui Garrett Oliver optou por usar um lúpulo japonês até então pouco conhecido, o Sorachi Ace, o que traz um perfil aromático único remetendo a capim-limão, limão siciliano e verbena. Na boca ela é rica, com perceptível acidez e excelente equilíbrio entre o amargor e dulçor. Ao final é seca, com leve presença da levedura de champagne.

Harmonização: Crab Cake, equivalente à nossa casquinha de siri


Garrett-Oliver-Brooklyn-Local-1

Brooklyn Local 1

Origem: Nova York – EUA
Teor Alc.: 9%
Estilo: Strong Golden Ale

De cor dourada e boa formação de espuma. Apresenta herbais dos lúpulos e leve maltado lembrando panificação, porém o que predomina são os aromas frutados característicos de leveduras belgas, remetendo a frutas tropicais. A utilização de açúcar mascavo e a refermentação na garrafa resultam em uma cerveja mais atenuada, com final seco.

Harmonização: Provolone cheese sticks, provolone à milanesa


Garrett-Oliver-Brooklyn-Blast

Brooklyn Blast!

Origem: Nova York – EUA
Teor Alc.: 8%
Estilo: Imperial IPA

De coloração alaranjada, é produzida com 11 tipos de lúpulo de variedades americanas, inglesas e japonesas. O resultado é uma cerveja muito aromática, predominando o perfil cítrico, com a carga de malte trazendo equilíbrio ao amargor pronunciado. Uma Imperial IPA de respeito e com alto drinkability.

Harmonização: Pulled pork sandwich, sanduíche de pernil de porco desfiado


Garrett-Oliver-Brooklyn-Local-2

Brooklyn Local 2

Origem: Nova York – EUA
Teor Alc.: 9%
Estilo: Belgian Dark Strong Ale

Coloração marrom e boa formação de espuma. Possui médio-alto teor alcoólico, que equilibra muito bem com seu corpo maltado, os gostos de caramelo e tostado, sem falar do seu delicioso amargor e dulçor.

Harmonização: Para finalizar, um ícone da gastronomia americana: Apple Pie, a famosa torta de maçã!


Conheça os outros grandes mestres cervejeiros da série: