Similar Posts

21 Comments

  1. Bem legal essa organização de material. Tem a base de dados do The Barth Report – barthhaasgroup, com séries históricas da produção de cerveja por países e as grandes empresas e também informações sobre a produção de lúpulo. Silvia Limberger.

  2. Apenas um alerta importante sobre as matérias do portal “O Globo” de Julho e Agosto de 2015 insinuando queda no registro de marcas e na produção de cervejas artesanais. Achei um pouco estranho se olharmos para a realidade, por serem do mesmo portal me faz supor que possam ser matérias tendenciosas ou até mesmo pagas para enfraquecer um mercado em pleno crescimento e alternativo às grandes cervejarias.

    1. Olá Macca Mundi! Realmente são estatísticas alarmantes, e concordo que devemos sempre manter um pé atrás com qualquer informação vinda da grande imprensa. No entanto, o trabalho do Márcio Beck (jornalista responsável por ambas as matérias) é reconhecido e pautado em informações concretas de fontes confiáveis — sei disso pois ele mesmo já revisou alguns artigos aqui no site e corrigiu algumas falhas deste tipo.

      Sobre os registros no MAPA, é possível que as informações estejam incorretas na própria fonte (inclusive acredito que qualquer cidadão possa conferir esta informação diretamente junto ao MAPA, mas ainda não consegui encontrar este recurso), assim como é possível que as cervejarias realmente tenham diminuído o ritmo de solicitações de novos produtos em 2014 para focar no aumento de sua produção. Também é possível que o próprio MAPA tenha “pisado no freio” neste ritmo em 2014 devido ao enorme volume de solicitações de registro nos anos anteriores.

      Sobre o volume de produção, eu também fiquei surpreso. Não acredito que estas estatísticas reflitam com precisão o panorama cervejeiro, pelo menos no segmento das artesanais no Brasil. Porém os relatórios da Barth-Haas estão entre as fontes mais confiáveis a que temos acesso.

      Muito obrigado pela participação!

    1. Olá Baima, tudo certo?

      Não conhecemos esta cervejaria, para conhecer melhor o processo de produção deles recomendamos entrar em contato diretamente com a fábrica.

      Obrigado, abs!

    1. Anderson, muito obrigado pela ótima contribuição. Já incluímos o trabalho na lista.

      Sucesso com o aplicativo, tendo novidades nos avise!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *